Informa Araguaia - Seu Portal de Notícia Regional

MENU
Logo
Publicidade
Publicidade

Polícia

Polícia prende pastor flagrado pela esposa estuprando neta de 8 anos

O crime foi cometido em Boa Vista, Roraima, em março de 2018. Pastor foi preso na quinta-feira, em Mato Grosso

Publicidade
Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Um pastor foi preso na quinta-feira (29), no município de Novo Mundo (785 km de Cuiabá), acusado de estuprar a própria neta, de 8 anos. O crime foi cometido em Boa Vista, em Roraima, em março de 2018.

De acordo com a Polícia Civil, o pastor estava com o mandado de prisão decretado pela Vara de Crimes Contra Vulneráveis do Estado de Roraima, por estupro de vulnerável majorado pela ascendência.

Leia também

 

Homem engravida menina de 13 anos em MT

No dia dos fatos, a criança estava em um dos quartos da casa da avó, quando o acusado entrou no cômodo e iniciou os abusos sexuais. Porém, ele foi flagrado pela sua companheira que entrou no quarto.

A avó da vítima discutiu com o marido, momento em que ameaçou matar a esposa e o pai da menina, caso chamassem à polícia. Em seguida ele fugiu e não foi mais localizado.

Durante as investigações realizadas pela Polícia Civil de Roraima foi descoberto que o foragido estava em uma região de garimpo na cidade de Novo Mundo. Diante do fato, foi realizada a troca de informações entre as Polícias de RR e MT, ocasião em que a equipe da Polinter em Cuiabá entrou em contato com os policiais da Guarantã do Norte para cumprimento do mandado. 

Ele foi localizado conduzindo uma motocicleta no momento em que chegava a uma residência, ocasião em que foi dado cumprimento à ordem de prisão. 

Após cumprimento do mandado de prisão, o acusado foi conduzido até a Delegacia de Guarantã do Norte para as providências cabíveis, sendo posteriormente apresentando em audiência de custódia e colocado à disposição do Poder Judiciário.

Fonte/Créditos: Repórter MT

Créditos (Imagem de capa): Reprodução

Publicidade
Publicidade

Comentários:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade