Informa Araguaia - Seu Portal de Notícia Regional

MENU
Logo
Publicidade
Publicidade

Política

Deputado Claudinei celebra a retomada de obras na MT-100

O parlamentar apresentou cerca de oito proposições para as devidas melhorias na rodovia por parte do governo estadual

Publicidade
Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O deputado estadual e vice-presidente da Comissão de Infraestrutura Urbana e de Transportes da Assembleia Legislativa, Delegado Claudinei (PSL), ao cumprir agenda em Alto Araguaia, passou na estrada que dá acesso à MT-100 para verificar as condições da via. Ele já apresentou importantes indicações à Secretaria de Infraestrutura de Mato Grosso (Sinfra) para as devidas melhorias na rodovia, como construções de pontes de concreto e acostamentos, implantação de ciclovia, recuperação asfáltica e realização de tapa buracos. 

Atualmente, a indicação de n.º 4.111/2020 para a conclusão da obra de pavimentação asfáltica na MT-100, entre os municípios de Alto Araguaia, Araguainha e Ponte Branca estão em execução pelo governo estadual. Tanto que estes dois últimos municípios serão recuperados cerca de 9,3 km na malha viária. 

“Ao cumprir agenda em Alto Araguaia, resolvi dar uma passada na MT-100, sentido Araguainha. Em 2019, pedimos a conclusão desta importante rodovia que é bastante usada para o transporte de produção agrícola. Importante região, principalmente no Vale do Araguaia que interliga com a região sul de Mato Grosso. Vamos acompanhar as obras e verificar quanto tempo ainda falta para concluir. Fico contente em saber do movimento de obras e só vemos melhorias futuras quanto à logística”, posiciona o parlamentar.

Outra proposição do deputado Claudinei na MT-100 foi a de n.º 3.771/2021, em que foi reivindicada as construções das pontes sobre os córregos Pitomba e Ouro fino, localizadas em Barra do Garças, sendo que já foram concluídas pelo governo estadual. Elas possuem uma extensão de 30,5 metros e com investimento total de cerca de 3,1 milhões. Essas obras estavam paralisadas há mais de dois anos, sendo que foram iniciadas no ano de 2019, com prazo determinado de 300 dias para serem concluídas. 

Fonte/Créditos: Samantha dos Anjos - Assessoria de Imprensa

Créditos (Imagem de capa): Reprodução

Publicidade
Publicidade

Comentários:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade